sexta-feira, 27 de novembro de 2009

Se te chamarem de machista, apenas responda: "Sou mesmo, obrigado."

Se te chamarem de machista, apenas responda: “Sou mesmo, obrigado”

Durante muitos anos, como 99% da população, eu acreditei que machismo significasse algo ruim, que ser chamado de machista era algo ofensivo. Pelo contrário! Ser chamado de machista é lisonjear um homem de verdade. Caso você não seja heterossexual e não se orgulhe de sua masculinidade, esquece o que eu disse e nem perca tempo lendo. Volte a ler a sua revista Caras. Mas se você é um homem comum, que gosta de mulheres e tenta todos os dias superar seus limites para ser um homem superior, então você não irá se chatear caso seja chamado de machista. O que significa machismo?

De acordo com alguns dicionários, além da definição “aquele que é contra o feminismo”, também se encontra “modos ou qualidades de macho”. Isso significa que machista é aquele tem características de macho. Qual é o homem, em sã consciência, que vai ter vergonha de ser identificado como um macho de verdade?

Taí mais uma prova do quanto o feminismo é CRUEL e manipulador. Demonizaram o termo machismo, fazendo-nos acreditar que é o pensamento de que o homem é melhor do que a mulher, para fazer com que todos nós passássemos a repudiar tal “rótulo”. Isso fez com que os homens vivam suas vidas negando veemente sua masculinidade, sua essência de macho da espécie. Isso é o que as feministas querem, pois a ideologia nasceu no meio lésbico, onde o homem é uma mera ferramenta de trabalho.

Repare, sempre onde há uma rodinha de discussão onde se tem homens e mulheres, e o assunto é relacionamento (ou qualquer outro assunto onde entre o assunto homens x mulheres), tudo anda bem, até algum homem discordar ou, então, fazer a mínima crítica a alguma mulher. Pronto. Elas se perdem, todas querendo falar ao mesmo tempo, sendo que basta uma para falar por todas, já que a reação é sempre a mesma:

“Nossa, com você é machista!”. E sempre tem uns miguxos para defendê-las. Vou dar uns exemplos, para que você possa me entender com mais clareza.

A discussão é sobre adolescência, então uma garota diz:
-- Nós, meninas, amadurecemos mais cedo. Enquanto a gente começa a se arrumar e a querer sair, vocês só querem zoar e jogar futebol com os amigos.
Então um cara replica:
-- Amadurecem só sexualmente, porque são mais desmioladas que nós. E quando nos tornamos adultos, logo temos de arrumar emprego, servir ao Exército, enquanto vocês só pensam em gastar o dinheiro do pai no shopping.
-- Ai, larga mão de ser machista. Você queria que a gente tivesse fazendo o quê? Casada e lavando fralda? Isso é coisa do tempo da minha avó, eu quero é curtir muito a vida. (nada foi dito sobre casar, apenas falou-se em viver às custas da família).

Bom, repare que o rapaz não fez nenhum comentário discriminatório, ele apenas discordou e fez uma observação bem realista da nossa juventude. Como a garota ficou sem argumento, ela apelou para “você é muito machista”, com o intuito de ridicularizá-lo perante o grupo. Digo ridicularizar pela reação masculina mais do que esperada: tentar se explicar, dizendo que não é machista, e se perdendo em explicações que no final, só o fará parecer mais bobo. Depois disso, acabará ouvindo uma lição de moral das mulheres e dos miguxos do grupo, de que estamos no século 21 e com “essa cabecinha dos anos 50, você não vai pegar ninguém”.

Agora, imagine a reação da garota e do resto do grupo quando você disser “sou mesmo, obrigado” após ter sido chamado de machista. Uma das reações é a de todos ficarem quietos e mudarem de assunto, enquanto você ri triunfalmente. Mas você pode emendar e dizer porque você é machista e ainda criticar as mulheres do grupo pela falta de argumentos quando colocadas contra a parede. Aviso que poderá perder alguns “amigos”, mas terá sua honra e auto estima fortalecidas. De início, as mulheres do grupo irão te evitar, mas garanto que agora elas o verão de maneira diferente... como um macho a quem se deve evitar muito contato.

Os sentimentos femininos são confusos, pois, ao mesmo tempo em que elas parecem repudiar, isso pode ser um sinal de atração. Se elas evitam é porque sabem que não poderão perder o controle da situação estando diante de um macho reconhecido por elas. É exatamente por isso que as mulheres são muito íntimas dos gays e dos miguxos-bonzinhos-fofos, pois estes não são vistos como MACHOS por elas. São exatamente estes homens que elas dizem não ser machistas e exemplos de homem que deveríamos seguir. Mas como eu digo, mulheres falam da boca pra fora, pois aquele que elas realmente gostam são dos machões convictos.

É por isso que você deve ficar envaidecido, pois foi reconhecido como macho. A mulher disse subliminarmente “Te reconheço como um macho em potencial e temo sua presença que é forte demais para mim.”, que pode ser complementado com “Sou uma mulher forte e independente e tua virilidade ameaça meu autocontrole”.

Vou citar algumas falas minhas que são consideradas machistas:
-- Curso de pedagogia é coisa de mulher.
-- Não namoro mulher rodada. Estas só servem para se divertir e depois chutar.
-- Num relacionamento estável, se a mulher engravida, a culpa maior é dela. Só tem pílula pra mulher, não tem como o homem controlar, então a responsabilidade maior é dela.
-- Não me relaciono com mulheres que tem filhos. Não vou criar filho de outro macho.
-- Se eu tiver um bom emprego e ganhar muita grana, minha mulher não vai trabalhar fora de casa.
-- Na minha casa, eu sou o líder.
-- As mulheres de hoje exigem demais e oferecem (no bom sentido) de menos. São que nem certos produtos, perderam em qualidade e ainda ficaram mais caros.
-- A Natureza fez a mulher para gerar filhos, por isso esta é a sua principal função.
-- Sou contra mulher no Exército.
-- Detesto filmes com mulheres valentonas.
-- Apesar de ter de fazer, o exame de toque não deixa de ser humilhante.
-- Mulher minha não vai em ginecologista homem.
-- Mulher minha não fala palavrão.
-- Não gosto de mulher que fuma/bebe.
-- Não namoro mulher que tem tatuagem/piercing, principalmente se for naqueles lugares que só as vadias tem.
-- O que uma mulher diz para mim, entra por um ouvido e sai em outro. Mulher nunca sabe o que quer mesmo, por isso não dou muita importância para o que dizem. (principalmente sobre relacionamentos e o tipo de homem que quer).
-- Não deixo a minha namorada usar roupas curtas.
-- Espantei todos os amigos dela.
-- Quando tiver filhos, meninos e meninas serão criados de maneira diferente.
-- Mulher minha tem que assinar meu sobrenome, senão não caso.

É por essas e outras que já tive perfil e comunidades apagadas, porém, com metade destas declarações você já será reconhecido como macho pelo seu grupo. Não pense que sendo bonzinho e concordando com tudo o que as mulheres dizem, você fará sucesso e conseguirá “esquemas”. O máximo que irá conseguir é uma miguxa que te ligará nas horas mais impróprias para reclamar daquela amiga traidora que roubou seu macho (“aquele sujeito machista, cafajeste e com um jeitinho especial...”). Ser um pouco arrogante faz parte e desperta um certo fascínio nas mulheres.

Sempre que ouça falar que tal filme, livro é machista, logo penso “deve ser bom”. Para que as “muderninhas” e as feministas detestem, a obra não deve defender aquilo que elas pregam. Portanto, não veja mais com maus olhos aquilo que for descrito como machista. O que denigre a mulher e prega seu ódio se chama misoginia, isso é que devemos combater, assim como a misandria (aversão aos homens).

12 comentários:

Homem Justo disse...

Ser chamado de machista é ser reconhecido como um macho autentico!!!

Silvio Koerich disse...

È isso aí mesmo Lobo, concordo com tudo. Nao tenho medo de ser chamado de machista, isso é apenas uma palavra utilizada para atacar o interlocutor. Nao tem erro e medo parceiro.


Uma dica pro teu blog, esse fundo preto e essa cor azul estão dificultando a leitura. Uma letra branca cairia bem.

Abraço

nnn disse...

Encontrei seu blog através do orkut e venho te pedir pra nos ajudar numa comunidade de mulheres anti feministas que está invadida por essas mal comidas e lésbicas! Só um homem para nos salvar, rsrs!

http://www.orkut.com.br/Main#Community?cmm=3655629
"Sou Contra o Feminismo, Urg!!!"

Tá? Bjos e parabéns pelo blog!

cabanadeinverno disse...

Olá,

Escrevi algo sobre sua postagem, acho que gostaria de ler:

http://cabanadeinverno.wordpress.com/2009/12/06/machismo-na-boca-de-um-palhaco/

Duke disse...

E isto ai, devemos ser contra a misoginia e a misandria, agora o "machismo", e mais uma forma de invalidar a opinião que elas não concordem, já o machismo que disse este que elas vivem reclamando eu concordo que e mais porque não tem argumentos

Paula disse...

Crepúsculo pode ser considerado machista por alguns, já ganhou tua simpatia, ó! Haha

http://twilighthatersbrasil.wordpress.com/2009/01/30/o-lado-mais-obscuro-de-crepusculo/

Paula disse...

Crepúsculo pode ser considerado machista por alguns, já ganhou tua simpatia, ó! Haha

Lobo Sagrado disse...

Crepúsculo, machista??? Nunca aquela "Malhação vampiresca" poderá ser considerada "obra de macho".

tuccano disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
*** Tätä Fërnändës *** disse...

Mande na sua mãe, na sua vó e na sua mulher. Trate todas como objeto e tenha filhas para obedecerem outros homens.

Paraíso Concreto disse...

Lobinho, querido, eu vou discordar do que você disse. Machismo é o feminazismo praticado pelos homens. Vou te indicar dois textos que eu escrevi: "O machismo não é uma ditadura masculina" (http://paraisoconcreto.blogspot.com/2009/06/o-machismo-nao-e-uma-ditadura-masculina.html) e "Homem machista, a marionete feminazista" (http://avezdoshomens.blogspot.com/2009/11/homem-machista-marionete-feminazista.html).
Beijos
Imaculada

Indefinido disse...

"Mande na sua mãe, na sua vó e na sua mulher. Trate todas como objeto e tenha filhas para obedecerem outros homens."

Engraçado que as vadias feministas de hoje vem com argumentos como dessa pessoa aí,mas é exatamente o que elas querem.Manda em nós.Pois bem.Já que é pa brinca de manda,é po isso que temos que mostrar que nos nossos espaços somos nós quem mandamos mesmo.E não adianta esse agumento pré-fabricado pois,não tem pra onde correr.Não são mandadas denro de casa por uma,são mandadas por vários fora.Talvez aí temos mais uma desmascaração desse movimento no que diz respeito a essas hipócritas desejarem feminilizar o mercado.Mas,quanto mais feminilizam,mais cobramos obigações dessas merdas